Dois Garanhuenses foram presos em Teresina Piaui cavando um túnel para resgata preso - Garanhuns Eventos | Notícias e Entretenimento

Ultimas Notícias

Contrate para sua festa Heróis e Princesas

test banner

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Dois Garanhuenses foram presos em Teresina Piaui cavando um túnel para resgata preso


Foram presos em flagrante, pela policia do Piauí, os garanhuenses JOSÉ MARIO DE LIMA e CICERO FRANCISCO GONÇALVES, os quais encontravam-se  em Teresina desde a segunda feira  dia 16 de janeiro, com a missão de cavar um túnel ao lado da Penitenciária Irmão Guido, em Teresina-PI, com o intuito de dar fuga ao detento WAGNER ALEXANDRE ALMEIDA  ARAGÃO,  (Wagner da Carne), que também é de Garanhuns.
A dupla ao ser descoberta e presa, confessou que havia sido contratada por um dos filhos do primeiro casamento de Wagner da Carne, residente aqui em Garanhuns,  o qual ofereceu a quantia de R$ 6.000,00 (seis mil reais) aos 02  homens para cavarem o túnel, que facilitaria a fuga do seu pai.


WAGNER ALEXANDRE



Os homens contatados que estavam escondidos em um condomínio localizado próximo a penitenciária, executavam o o serviço e já tinham cavado uma abertura de 1 metro e 80 de profundidade com 3 metros de extensão.
Os acusados foram conduzidos à sede do Grupo de Repressão ao Crime Organizado – GRECO, que investiga a participação de outras pessoas e de grupos criminosos na ação.







RELEMBRE O CASO DE WAGNER DA CARNE


Na manhã do dia 18 de junho de 2008, a Policia Civil de Garanhuns, na sede da 18ª DESEC, fez a apresentação do estuprador em série de Garanhuns WAGNER ALEXANDRE ALMEIDA ARAGÃO,  (Wagner da Carne),  com 36 anos na época, que residia na Cohab II, Garanhuns.
Após intenso trabalho  realizado pela equipe de investigadores  da 2ª Delegacia de Policia de Garanhuns, entre eles os comissários José Édson (Edinho) e Leocádio , onde várias vitimas de estupro haviam registrado queixas na DP, os policiais conseguiram identificar o comerciante que vendia carnes no Mercado 18 de agosto, Centro de Garanhuns, casado, pai de 3 filhos.
De posse de um Mandado de Busca e Apreensão, os policiais localizaram e detiveram o tarado, na residência dele na Cohab II em Garanhuns.
O comerciante que de acordo com as informações possuía um patrimônio avaliado em mais de 1 milhão de reais, escolhia sempre as vítimas com o mesmo perfil, jovens na faixa dos 20 anos de idade e durante as abordagens usava o próprio carro, uma Hilux, armado com um revólver e usando uma touca ninja, material apreendido na casa do mesmo, no momento da sua prisão.
Após ter a prisão preventiva decretada, o acusado foi conduzido ao Presídio Desembargador Augusto Duque em Pesqueira e posteriormente ao Presídio de Petrolina, de onde conseguiu fugir na manhã do dia 20 de maio de 2012.
Em 17 de outubro de 2013, Policiais do Serviço de Inteligência do Sistema Penitenciário de Pernambuco, conseguiram localizar o fugitivo em Chapadinha, no Maranhão, onde  participou  de uma  briga por posse das terras da localidade Baturité, às margens da  BR-222.
A Polícia pernambucana com o apoio da Polícia Civil de Chapadinha, localizaram e prenderam o acusado em  uma casa na MA 230, próximo a uma churrascaria, onde ele morava desde dezembro de 2012, o qual estava de posse de uma espingarda  calibre 28, uma pistola calibre 765, uma espingarda calibre 5.5, um revólver 38, uma espingarda 28, facas e 20 munições intactas.  


WAGNER ALEXANDRE ALMEIDA ARAGÃO,   “Wagner da Carne” que já tinha uma pena de 200 anos e 27 mandatos de prisão por estupro, estava sendo reconduzido ao estado de Pernambuco, quando na madrugada do dia 18 de outubro de 2013, Na BR 316 no Município de Valença, Estado do Piauí,  conseguiu assassinar com 01 disparo de arma de fogo na cabeça, dentro da viatura  o agente penitenciário SANDRO JOAQUIM SILVA, o veículo em que estavam, um Gol, capotou, Wagner da Carne, fugiu e o outro policial Wallas Ferreira de Sousa, ficou   ferido.

SANDRO JOAQUIM SILVA

                                                         


As polícias de Pernambuco, Maranhão e Piauí, iniciaram uma caçada  contra o acusado, que por volta das 16h00 do sábado dia 19 de outubro de 2013, foi a recapturado  ainda  usando as algemas. 


WAGNER ALEXANDRE
                                       

De acordo com a polícia, o fugitivo pediu ajuda a alguns moradores da localidade, alegando que havia sido vítima de assalto, porém, um morador o reconheceu e acionou a polícia.


O acusado foi conduzido à Delegacia de Policia de Valença e após os procedimentos legais, recolhido ao Presídio de Teresina – Piauí, onde permanece à disposição da justiça. 


Acompanhe Garanhuns Eventos no Facebook 

Nenhum comentário:

Postar um comentário