Ex-empresário de Cristiano Araújo morre após ser baleado no Rio de Janeiro - Garanhuns Eventos | Site de Entretenimento

Ultimas Notícias

Post Top Ad

Banner_anuncie_aqui%2B-0001

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Ex-empresário de Cristiano Araújo morre após ser baleado no Rio de Janeiro

O ex-empresário do sertanejo Cristiano Araújo, D'Stefany Vaquero Lima, de 32 anos, conhecido como Didi Latino, morreu, na madrugada desta quarta-feira, no Hospital Municipal Victor de Souza Breves, em Mangaratiba. Ele foi levado para a unidade após ser encontrado por PMs do 33º BPM (Angra dos Reis) baleado e caminhando com as roupas sujas de sangue pela Rodovia Rio-Santos.
Ele teria levado quatro tiros. O crime é investigado pela 165ª DP (Mangaratiba). O empresário, segundo os policiais, falava coisas desconexas não soube explicar o que aconteceu.
Nas redes sociais, os fãs do sertanejo homenagearam o ex-empresário. Além de Cristiano Araújo, Didi Latino também trabalhou com a dupla Humberto e Ronaldo. Os cantores publicaram uma foto para se despedir do amigo. 

"Oito anos atrás começava uma amizade, uma história, dois sonhadores, que nunca desistiram. A vida nos levou a caminhos diferentes, mas nunca distantes.
Difícil saber o que falar essa hora. Que Deus te receba de braços abertos irmão. Descanse em paz!", escreveram na legenda.


 Garanhuns Eventos no Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Banner_anuncie_aqui%2B-0001