Com malária, cantor do Parangolé precisa de transfusão sanguínea - Garanhuns Eventos | Site de Entretenimento

Ultimas Notícias

Banner_anuncie_aqui%2B-0001

Post Top Ad

Banner_anuncie_aqui%2B-0001

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Com malária, cantor do Parangolé precisa de transfusão sanguínea

O cantor baiano Tony Salles, internado no fim de semana passado para tratamento contra malária, foi diagnosticado com anemia nesta terça-feira (18). De acordo com a a assessoria de imprensa do artista, ele passará por uma transfusão sanguínea e segue em observação: "O cantor vem evoluindo com melhora das alterações causadas pela doença. Porém, como ainda mantém anemia, foi indicado uso de transfusão sanguínea, observação e reavaliação clínica. Tony se mantém comunicativo e continua com restrições de visitas".

Vocalista do grupo Parangolé, Tony contraiu malária após visitar a Guiné Equatorial, no continente africano, para se apresentar. Segundo assessoria de imprensa da banda, o baiano pode receber alta médica no fim desta semana. Nas redes sociais, Scheila Carvalho, mulher do cantor, agradeceu as mensagens positivas de fãs e amigos: "Muita gratidão a ti, Senhor! Obrigada a todos pelo carinho e orações, meu amor Tony Salles está bem melhor! Glória a Deus! Deus no comando".

Na época da internação, o empresário da banda, Kito Magalhães, conversou com o Viver sobre o estado de saúde do artista. "Infelizmente, é uma das piores que têm, mas ele está sendo muito bem assistido, acompanhado pelos melhores infectologistas. A gente segurou um pouco porque precisava conversar com os contratantes, pegar um laudo do médico", esclareceu Kito. O cantor assumiu os vocais do grupo Parangolé em março de 2014, após a saída de Léo Santana, que inicou a carreira solo. 











Garanhuns Eventos no Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Banner_anuncie_aqui%2B-0001