'O outro lado do paraíso': Renato é o grande vilão da novela das nove - Garanhuns Eventos | Fig 2018 | Festival de Inverno

Ultimas Notícias

Banner_anuncie_aqui%2B-0001

Post Top Ad

Banner_anuncie_aqui%2B-0001

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

'O outro lado do paraíso': Renato é o grande vilão da novela das nove


Renato (Rafael Cardoso) é mesmo o vilão de “O outro lado do paraíso”. O médico será desmascarado na segunda quinzena de março, no dia de seu casamento com Clara (Bianca Bin).
Tudo começa quando a mocinha pega o rosário feito por Elizabeth (Gloria Pires) na gaveta onde guarda uma pasta antiga de seu pai, que ela nunca mexeu. Ao abri-la, ela se choca ao ver uma foto de seu pai com Renato. Patrick, imediatamente, liga para o hospício onde a bela foi internada por dez anos.
Mesmo assim, Clara vai ao casamento. Mas na hora de dizer "sim", ela diz um sonoro "não" na frente de todos: "Você quis me matar." Já em casa, os ex-noivos têm a conversa mais importante de suas vidas. "Eu quero saber os motivos. Fui humilhado, em frente a toda cidade. Por que fez isso, Clara, se eu sempre te dei todo meu amor? Por quê?", indaga o médico.
Clara manda o médico tirar a máscara e pede que Patrick (Thiago Fragoso) traga a pasta. Renato ainda diz que eles podem se casar, mas a mocinha se nega, dizendo que o ex-noivo tentou matá-la. "De onde tirou a ideia de que tentei te matar?", pergunta o doutor.

A mocinha diz ao doutor que sempre confiou nele quando dizia não ter interesse algum pelas esmeraldas. Renato confirma, diz que a conheceu antes de Sophia (Marieta Severo) descobrir as esmeraldas e essa loucura toda começar. Mas Clara o acusa de mentiroso. "Achei essa foto aqui, na pasta. Você com meu pai", mostra a mãe de Tomaz (Vitor Figueiredo). "Mas teu pai morreu antes dele aparecer no meu bar", constata Josafá (Lima Duarte). "Ele já conhecia o pai e tem mais aqui essas notas, recibos...mostre, Patrick", pede Clara, revelando notas fiscais em nome de Renato. "Era você quem comprava os explosivos que mataram meu pai. Meu pai estava certo que no terreno tinha uma mina de esmeraldas", comprova a milionária.
Matar Clara para ela não requerer a guarda de Tomaz
Renato tenta se conter, enquanto Clara pede que ele diga a verdade. "Você sempre esteve atrás das esmeraldas. Mentiu para mim, eu tenho a prova", dispara. "Tá bem. Eu sabia. Teu pai, Jonas, era caminhoneiro. Me contou que na terra onde vivia tinha esmeraldas. A gente fez uma combinação...Eu ajudava com os explosivos. Se ele encontrasse um bom veio, a gente dividia. Que crime tem nisso?", minimiza. "Por que nunca disse que conheceu meu pai?", indaga a moça. "Eu não quis chegar falando das esmeraldas. E logo que cheguei, descobri outras duas pedras preciosas. Teus olhos. Eu gostei de você, à primeira vista", mente o médico.
O rapaz continua: "Reconheço, a primeira mentira puxa outras. Depois de um tempo, eu não podia voltar atrás, contar que tinha conhecido teu pai. Mesmo porque eu sabia do amor que cê tinha por ele. De como sofria por ele ter morrido com explosivos. Eu ajudei a comprar os explosivos sim. Ele acertava as contas cada vez que a gente se encontrava. Quando a Sophia descobriu as esmeraldas, quis me certificar. Eram realmente esmeraldas. Em tudo isso, que eu fiz de errado? Acredita em mim, Clara, eu te amo."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

As mais lidas da semana

Post Top Ad

test banner