Padre Reginaldo Manzotti lança CD, sonha gravar com Anitta e diz ser um pé de valsa - Garanhuns Eventos | Notícias Entretenimento

Ultimas Notícias

Banner_anuncie_aqui%2B-0001

Post Top Ad

Banner_anuncie_aqui%2B-0001

quarta-feira, 2 de maio de 2018

Padre Reginaldo Manzotti lança CD, sonha gravar com Anitta e diz ser um pé de valsa


O padre Reginaldo Manzotti é pop. E convidou artistas como Simone e Simaria, e Michel Teló, para ir além das fronteiras das rádios religiosas com o seu novo CD, “Tá na mão de Deus”.

— É destinado a todas as idades, mas eu quis destinar à juventude. E já consegui. “Espalhar amor” (em parceria com as “coleguinhas”) está tocando em todos os lugares. Me mandaram até um vídeo da música tocando em uma festa cheia de jovens, que não são católicos. Só não publiquei no meu Facebook porque aparecia muita cerveja — ri Padre Reginaldo.

Eclético (“escuto de Guns N’Roses a sofrência”), o Padre buscou diferentes influências para gravar o seu 14º trabalho. Tem modão sertanejo, pop rock e até arrocha, ritmo que Reginaldo garante se sair bem nos passos.

— Quando adolescente não tinha arrocha, mas tinha xote. Sempre gostei. Hoje em dia não danço mais em clube, mas com minhas irmãs e parentes, quando tem um casamento. Sou um pé de valsa. Fora isso só danço para Jesus — se diverte.


Sendo um pé de arrocha, seria possível imaginá-lo fazendo um passinho do funk?

— Eu queria gravar com a Anitta, queria atingir o público dela e que ela viesse abrilhantar o meu trabalho. Ela tem muita aceitação , é religiosa e já começamos umas tratativas. Se achar um funk que alguém compor, e eu me sentir tranquilo em cantar, não veria problemas. Mas dançar não vou conseguir.

Além das missas, livros na lista dos mais vendidos, e programas em diversas rádios do país, Reginaldo Manzotti também se destaca nas redes sociais. No Instagram, por exemplo, tem quase 880 mil seguidores. E recebe mensagens bem diversas.

— Quem não me conhece pode se encantar à primeira vista pelo pacote, e não prestar atenção no conteúdo. E às vezes extrapola. Já recebi cantadas, vale motel, calcinha… É preciso saber lidar, não ser ríspido — diz. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

As mais lidas da semana

Post Top Ad

test banner