Enterro do vocalista da Banda Torpedo, Deivison Kellrs foi marcado de muita emoção - Garanhuns Eventos | Notícias e Entretenimento

Ultimas Notícias

Post Top Ad

Banner_anuncie_aqui%2B-0001

terça-feira, 21 de agosto de 2018

Enterro do vocalista da Banda Torpedo, Deivison Kellrs foi marcado de muita emoção



O vocalista da banda Torpedo, Deivison Kellrs, falecido no domingo (19), foi sepultado na tarde desta segunda-feira (20) no Cemitério de Santo Amaro, na região central do Recife. Internado desde 4 de agosto, o cantor lutava desde 2017 contra um câncer de fígado, mas não resistiu à doença e morreu aos 30 anos em um hospital da capital pernambucana, acompanhado da família


corpo de Deivison foi velado na Câmara dos Vereadores do Recife, sob forte comoção da família, amigos e fãs do seu trabalho no brega pernambucano. Por volta das 13h, a família fechou a cerimônia e pediu privacidade.


Com a entrada limitada, os fãs do cantor se reuniam do lado de fora, relembrando os sucessos da banda. A fila para prestar homenagens saía da Câmara Municipal do Recife e seguia pela Rua Princesa Isabel, no Centro da cidade.


Antes das 14h, o caixão com o corpo do vocalista da Torpedo saiu em cortejo pelas ruas do Centro da cidade, em uma viatura dos bombeiros. O trânsito ficou interditado pelo cortejo. O caixão foi recepcionado com salva de palmas e gritos em homenagem a Deivison no Cemitério de Santo Amaro, onde o sepultamento foi finalizado por volta das 15h30.


Ao longo do cortejo, uma multidão de fãs do cantor, conhecido por canções como "Como a culpa é minha", do fim de 2011, a "Fase ruim", de 2017. Com camisas da banda Torpedo com o rosto estampado de Deivison, eles cantaram as faixas mais famosas de sua trajetória. Coroas de flores foram levadas para marcar o adeus ao artista.
A aposentada Irani Santos é uma das fãs de Deivison que fizeram questão de comparecer à despedida. “É muita paixão por ele. Esse povo todo aqui, todos amamos ele. Era uma pessoa muito carinhosa com os fãs”, contou.

Carreira
Ex-garçom, com a saúde debilitada pelo câncer, causava uma mobilização de fãs e de outros astros do brega pernambucano para ajudá-lo no tratamento, após ele falar sobre a doença, no meio de 2017, e aparecer publicamente fragilizado.

Fonte: G1



Nenhum comentário:

Postar um comentário

As mais lidas da semana